14 de setembro de 2010

A corda bamba dos seus sonhos!!! O preço dos nossos sonhos!!!

Um sonho dança em cima de uma fina corda atravessando um abismo de medo se pergunta por quê? O que faz se arriscar a cair e encarar seus medos mais escuros? O que leva ele adiante?
A fina corda da alegria pode se romper no piscar de olhos, está preso em uma ponta chamada esperança e em outro desejo.
Ventos de desanimo, gritos de desista chegam aos seus ouvidos, seus olhos desejam fechar, se deixar cair, desistir, por que lutar? mas continua pedalando seu monociclo chamado um dia melhor.
Não pode saber o que terá na próxima pedalada mas tenta, pois não consegue desistir, nem que deseje ... o amor queima seus músculos dando força, e assim ele vai dia a dia, momento a momento, pelo abismo dos seus medos. Arcanjo®.
O preço de um sonho, você está disposto a pagar?

Se você quiser ser músico de verdade, o preço é a dedicação ao estudo das notas, da sonoridade, da composição, da busca da perfeição.
Se o seu sonho é pintar, o preço é conhecer as cores, os pincéis, as técnicas de luz e perspectiva, é arriscar, fazer e refazer.
Se o seu sonho é ser comerciante, o preço é a dedicação quase que integral ao negócio, são finais de semana atrás do balcão, horas sobre as contas, dias e dias convencendo clientes.
Se o seu sonho é formar-se na faculdade, o preço é o estudo, as horas de sono, mensalidades, livros, trabalhos em equipe, locomoção e muita perseverança para não apenas formar-se, mas tornar-se um profissional de fato.
Se o seu sonho é o casamento, o preço é a divisão das horas, é ceder espaço na sua vida, aceitar comportamentos nem sempre tão agradáveis, ter regras para o que antes não havia, ceder, ceder e compreender.
Se o seu sonho é a maternidade ou paternidade, o preço é a renúncia de algumas horas, de alguns prazeres, de dedicação quase que integral ao novo ser que será confiado a sua guarda.
Se o seu sonho é ser feliz, o preço é a dedicação ao seu bem estar, no acreditar na sua infinita capacidade de construir, de recomeçar sempre que um problema lhe derrubar. Ser feliz é um exercício diário de otimismo, que cobra um preço razoável de cada um, não aceita pechinchas e nem oferece descontos, é preciso saber viver com intensidade para ser feliz.
Qual é o seu sonho? Qual é o preço que você está disposto à pagar?
Qual é o esforço que você tem feito para sair do sonho e caminhar em direção á realização? Você está disposto realmente a pagar o preço pedido? É capaz de dedicar-se, renunciar e até sacrificar-se em nome do sonho?
Qual é o seu sonho?
Seja qual for, ele pode cobrar bem menos do que você imagina, se você realmente tiver prazer em realizá-lo, se for realmente o seu desejo, e não apenas um capricho. Os sonhos que nascem da alma sonhadora, tem em si o desejo de vida melhor e levam pelo ar, esperança e alegria, paz e certeza de dias melhores.
Autor: Desconhecido

6 comentários:

ROBERTO BRANDÃO disse...

Sonhe sempre. Nunca deixe de sonhar e você será sempre um vencedor.
Todos nós temos sonhos e ideais grandiosos. Sonhamos com a vitória, com o sucesso e a realização de nosso projeto de vida. Do ponto de vista do aprendiz, isso é absolutamente natural e está em consonância com as Leis Universais, já que o objetivo primordial do cosmos é a expansão em todos os sentidos. Partindo desse pressuposto, podemos deduzir facilmente que tudo o que sonhamos é realizável porque não existe nada que seja impossível para o Grande Sonhador que moldou e mantém o universo. Muitas vezes, achamos que não somos capazes de realizar os nossos sonhos por causa das circunstâncias desfavoráveis que nos afetam. Ou achamos que não merecemos ou, que não somos dignos... Entretanto, isso significa limitar o nosso potencial infinito. Devemos eliminar esses conceitos negativos com respeito a nossa capacidade de realização

vidarealdasam disse...

Meu amigo que texto excelente ! Tenho ultimamente pensado muito nisso, no preço dos meus sonhos, no esforço para realizá-los e no medo que tudo isso causa muitas vezes ! Mas acredito que qualquer caminho vale a pena para este resultado gratificante em nossas vidas...
Grande abraço !

LEONIDAS disse...

Parabéns pelo texto, dá-nos uma importante oportunidade para refletir sobre os preços que pagamos em tudo na vida. Existe um ditado popular: "Quem caminha por gosto não se cansa", de fato isso é uma verdade, mas quais foram as circunstâncias em que esse "gosto" foi criado? Aí sim vale a reflexão, se o preço do sonho é alto demais, será que vale a pena ? Faz-nos lembrar da vitória de Pirro. Todo sonho vale a pena desde que não seja gerado por uma obseção, nossa felicidade não deve de forma alguma ser refém de sonhos gerados em circunstâncias doentias, sob pontos de vista equivocados com relação a seja lá o que for.
Um grande abraço a todos.

Jucifer disse...

olá guri Roberto
maravilhoso o texto
muitas vezes para realizar nossos
sonhos, precisamos abrir mão de algo
vai ser sempre assim
pois tudo na vida tem um preço
e vale apenas balanciar para ver se tu estas
disposto mesmo a correr o risco e pagar pelo seu sonho

bjim guri Roberto

Ana Cavalcantti disse...

Oi Robertinhooooo
Sonhar e ficar esperando a morte da bezerra também não dá !!! VocÊ está certíssimo ... força e dedicação para realizá-los é fundamental .
E sonhar é bom demais...e poder fazer alguma coisa por ele , é melhor ainda !!!!!!
Eu tenho alguns sonhos e já estou em busca das suas realizações !!!!!!!!
Beijossss queridíssimoooooo !!!!!!!!!

manosca disse...

Parabens pelo texto e pelo blog.
muita luz.
abraços