25 de novembro de 2009

sempre atento

free counters

2 comentários:

ROBERTO BRANDÃO disse...

Nossa existência lembra o riacho...
Buscando o mar.
Surgem pedras... Barreiras e obstáculos.
Riacho inteligente, contorna...
Assimila... Passa por cima... Passa por baixo...
Sempre encontrando um jeito de prosseguir...
Porque o mar chama... Convida.
Porque o mar é seu endereço final.
Riacho bobo FICA rodeando a pedra...
O desafio... A barreira.
O Rio atinge suas metas, porque
Aprende a superar dificuldades.
Continuar navegando é...
Perseverar... Quando a maioria desiste.
É sulcar as águas, quando outros já ancoraram.
É chutar longe a tristeza, fazendo
Um pacto sagrado com a Paz.
Continuar navegando é...
Construir templos de fraternidade,
Com as pedras que jogam em nossos telhados.
É suar a camiseta, quando a maioria
já saiu de campo.
É recomeçar, cada dia,
Mesmo que seja sobre ruínas e cinzas.
Fixando as flores, esquecendo OS espinhos.
Fazendo DA vida uma oração.
Continuar navegando é...
Falar palavras mansas...
Florir ternura... Onde outros praguejam.
É Dar voto de confiança, onde a maioria
descrê e se acovarda.
É divinizar o humano e espiritualizar o terreno,
Pendurando sorrisos de alegria e gratidão
até nos galhos secos do cotidiano.
É retornar às fontes DA simplicidade...
Cultivando o silêncio como se fosse um oratório.
Sempre e em tudo...
Com a profunda vontade de SER....
CANTAR... CRESCER...
SERVIR e AMAR
OBRIGADO POR SUA VISITA.

ROBERTO BRANDÃO disse...

http://www.ovp-sp.org/